Postagens

Mostrando postagens de Outubro 21, 2016
Imagem
MUNDO ESTRANHO: PERGUNTAS & RESPOSTAS
A partir de agora, o Conhecimento Cerebral traz em parceria com a revista Mundo Estranho, a série de matérias que despertará ainda mais sua curiosidade, resultando em mais conhecimento para você, chamada de MUNDO ESTRANHO: PERGUNTAS & RESPOSTAS. Para quem não sabe, essa revista traz mensalmente em suas publicações impressas, perguntas, que podem ser sugestão de seus leitores ou escolha dos editores, e a resposta para tal, de um jeito de dinâmico e explicativo. Por isso, resolvemos transformá-la em mais uma série de matérias para o blog. Preparado? Então, embarque você também neste mundo do conhecimento.


E SE DONALD TRUMP VENCER AS ELEIÇÕES NOS EUA?

Reportagem: Pedro Henrique Tavares Ilustra: Fabiane Langona  Design: Bruna Sanches Edição: Felipe van Deursen
Provavelmente, o mundo mudaria menos do que o alarde de seus discursos promete. Mas haveria alguns chacoalhões globais, como a relação entre as potências e a situação no Oriente Médio, que podem…
Imagem
ALIMENTAÇÃO

"LEI ANTIDESPERDÍCIO"

"Seguindo um exemplo dado em fevereiro pela França, o Senado da Itália aprovou em agosto uma lei de combate ao desperdício de alimentos. O plano SprecoZero ('Desperdício Zero') busca a doação de alimentos que seriam jogados fora para populações carentes. Integram esse grupo os alimentos que obedecem às normas de higiene e segurança, mas estão perto da data de vencimento da validade ou não foram postos à venda por razões como erros no rótulo. O projeto, que também abrange incentivos fiscais para restaurantes e supermercados dispostos a doar comidas e remédios, deve poupar anualmente cerca de 1 milhão de toneladas de comida, resultando em uma economia ao redor de 12 bilhões para os cofres italianos no período. Segundo a Confederação Nacional de Cultivadores Diretos, cada italiano joga em média cerca de 76 quilos de alimentos no lixo por ano."
Matéria retirada do site PLANETA, 13 de outubro de 2016 (Acesso: 21/10/2016)
Imagem
CIÊNCIA

"GENÉTICA DA DEPRESSÃO"

"A partir da análise do DNA de 300 mil pessoas originárias da Europa, cientistas americanos descobriram 17 diferentes variações genéticas que aumentam o risco de uma pessoa desenvolver depressão. O estudo, publicado em agosto na revista Nature Genetics, é o primeiro a mostrar as ligações genéticas com a doença encontradas em pessoas de ascendência europeia. A depressão está relacionada a fatores genéticos e ambientais, cuja doença estava ligada a duas regiões do genoma, mas a pesquisa mais recente identificou 17 variações espalhadas em 15 regiões diferentes. 'Isso enfatiza que a depressão é realmente uma doença do cérebro', afirma Roy Perlis, professor de psiquiatria da Universidade Harvard e coautor do estudo. A descoberta deverá levar a uma melhor compreensão do distúrbio de novos tratamentos para combatê-lo."
Matéria retirada do site PLANETA, 13 de outubro de 2016 (Acesso: 21/10/2016)