Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 16, 2018
Imagem
EDUCAÇÃO

"2º DIA DA UNICAMP 2018 TRAZ TEMAS ATUAIS; VEJA CORREÇÃO"

Por: Ana Prado
"O segundo dia da segunda fase da Unicamp 2018, nesta segunda-feira (15), não correspondeu às expectativas de coordenadores de cursinhos como Célio Tasinafo, da Oficina do Estudante. Após dois temas de redação muito atuais (saiba mais aqui), Célio esperava encontrar nas provas de geografia, história e até matemática questões contextualizadas, que mesclassem o conteúdo básico do ensino médio com temas amplamente debatidos na sociedade. Não foi o que aconteceu. 'Foi uma prova bem feita, exigente, mas geografia trouxe temas pisados e repisados: queimadas, o rio Nilo, ilhas de calor. Foram questões sem criatividade', diz ele. Daniel Perry, coordenador do Anglo, acredita que matéria apresentou um nível de dificuldade menor que o de outros anos - 'o que não significa que estava fácil', diz. Ele elogiou, no entanto, o bom uso de mapas, imagens e gráficos, exigindo boa habilidade de lei…
Imagem
SAÚDE

"NÚMERO DE MORTOS POR FEBRE AMARELA EM MG SOBE PARA 11"

"O governo de Minas Gerais confirmou nesta segunda-feira (15) que mais duas pessoas morreram depois contraírem o vírus da febre amarela no Estado. Com isso, subiu para 11 o número de óbitos em decorrência da doença, entre 2017 e os primeiros dias de 2018.
Dos 12 resultados positivos para febre amarela confirmados no Estado, 11 deles resultaram em óbito. Até o momento, apenas um morador de Brumadinho conseguiu se curar da doença.
Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje. 
Segundo a SES (Secretaria do Estado de Saúde), as últimas duas mortes ocorreram em Goianá (Zona da Mata) e Nova Lima (Região Metropolitana), cidade que registrou o maior número de vítimas - quatro, ao todo.
As outras mortes foram registradas em Brumadinho (1), Mariana (2), Carmo da Mata (1), Mar de Espanha (1) e Barra Longa (1).
Outros 34 casos de suspeita da doença continuam sob investigação pelas autoridades de saúde de Minas."


"…
Imagem
CONHECIMENTO CEREBRAL DESTACA MUNDO!

"UM PROBLEMA DE SAÚDE PÚBLICA" "The ObserverA polícia londrina propõe abordagem preventiva para crimes à faca"




Por: Mark Townsend
"A chefe da Scotland Yard aposta na ideia de que os ataques à faca devem ser tratados como uma crise de saúde pública, e não mero crime. Falando à Assembleia de Londres, Cressida Dick afirmou que os níveis persistentes de violência relacionada a armas brancas exigem um programa preventivo que ajude a reduzir o número de mortes e ferimentos nos ataques. Os comentários de Dick representam uma importante demonstração de apoio da principal autoridade policial do Reino Unido para que os crimes com facas sejam vistos através da 'lente da saúde pública'. Em resposta a uma pergunta sobre se a Polícia Metropolitana de Londres está envolvida em discussões sobre crimes de faca e de saúde pública, Dick disse estar consciente de que a maioria dos envolvidos ou processados por crimes de faca teve uma criaçã…