Postagens

Mostrando postagens de Abril 18, 2018
Imagem
ALIMENTAÇÃO

"UM CHOCOLATE SEM LEITE - MAS COM PROBIÓTICO" "Pesquisadora brasileira cria doce formulado com bactérias do bem. Elas são capazes de modular a flora intestinal e, assim, favorecer a saúde como um todo"

Por: Thaís Manarini
"Hoje, para garantir acesso aos probióticos, as bactérias que resguardam nossa microbiota, é preciso recorrer a produtos lácteos, como iogurte e leite fermentado, ou a cápsulas e sachês. Mas a engenheira de alimentos Marluci Palazzolli da Silva quis testar a formulação que pudesse ser aproveitada por quem tem alergia ao leite ou intolerância à lactose. Por isso, em pesquisa feita na Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos da Universidade de São Paulo, ela decidiu incluir os probióticos em um chocolate meio amargo feito sem a bebida. Ele foi fornecido pelo Instituto Tecnológico de Alimentos em Campinas (SP). A primeira dificuldade era garantir a sobrevivência dos micro-organismos, já que o habitual é mantê-los sob refrigeração.
Imagem
MUNDO ANIMAL

"MÃE GORILA EMOCIONA FUNCIONÁRIOS DE ZOOLÓGICO AO BEIJAR FILHOTE RECÉM-NASCIDO" "Cena aconteceu nos Estados Unidos e foi filmada pelos tratadores dos animais"

"Uma mãe gorila foi filmada dando beijos em seu filhote recém-nascido. Clique aqui e veja o vídeo. A cena aconteceu em um zoológico nos Estados Unidos. A mãe, Calaya, e o filhote passam bem. O bebê gorila, que veio ao mundo no fim de semana, foi batizado de Moke, que quer dizer 'júnior' ou 'pequeno' em lingala, idioma falado na África do Central. A espécie, chamada de gorila-ocidental-das-terras-baixas, está ameaçada de extinção."
Notícia retirada do site G1, 18 de abril de 2018 (Acesso: 18/04/2018)
Imagem
CONHECIMENTO CEREBRAL DESTACA CONFLITOS INTERNACIONAIS!

"HOLOCAUSTO SÍRIO" "Novo ataque com armas químicas expõe os horrores de uma guerra genocida que em sete anos causou mais de 400 mil mortes e gerou 5 milhões de refugiados. Enquanto o conflito não dá sinais de trégua, crescem as ameaças de uma intervenção dos Estados Unidos"

Por: Camila Brandalise
"Moradores da cidade de Duma, no subúrbio de Damasco, capital da Síria, foram surpreendidos por helicópteros na tarde do sábado 7. O ambiente foi tomado pelo som aterrorizante de objetos lançados do alto, cortando o ar de maneira estridente. Seguiu-se um cheiro estranho. Bastaram minutos para que uma população já castigada pelos horrores da guerra que se arrasta há sete anos perceber que estava sendo vítima, novamente, de um ataque de armas químicas. Tomados pelo desespero, sem ter onde nem como se abrigar, aos alvos da ação genocida só restou correr aos gritos, anunciando a chuva letal que caía do céu. Vieram então …